Fale Conosco: (11) 3295-3999

Cenário do Câmbio 14/05/2024

Navegue

Cenário do Câmbio 14/05/2024

Como estão os mercados pouco depois da abertura do pregão (cotações às 10h22):

  • Ibovespa opera estável, aos 128.154,14 pontos
  • Dólar sobe 0,37% aos R$ 5,1321 no mercado à vista
  • Juros futuros recuam nos vencimentos médios e longos

 

Bolsa Brasileira

O Ibovespa oscila ao redor da estabilidade. Mais cedo, caiu moderadamente com dados americanos, a ata do Copom e o balanço da Petrobras. Segundo Bruno Takeo, analista da Ouro Preto Investimentos, tanto o dado cheio quanto o núcleo da inflação ao produtor (PPI) americano vieram acima das expectativas, o que tende a reforçar a ideia de somente um corte dos juros dos Estados Unidos neste ano. “O PPI pode ser um indicativo do CPI”, diz, ao referir-se ao índice de preços ao consumidor dos EUA, que será divulgado amanhã.

A estatal petroleira cai mais de 2% esta manhã, em reflexo dos resultados abaixo do esperado e também do recuo dos preços do petróleo.A distribuição de dividendos e juros sobre capital próprio de R$ 13,45 bilhões (cerca de US$ 2,6 bilhões) relativos ao primeiro trimestre de 2024 ficaram abaixo da expectativa de US$ 3 bilhões do Citi e de US$ 3,5 bilhões do Itaú BBA, mas acima da previsão de R$ 10 bilhões do Safra. Pares do setor também operam no terreno negativo.

 

Dólar

A moeda americana opera em baixa ante o real, alinhada à desvalorização externa predominante frente a outras divisas principais e várias emergentes e ligadas a commodities. Na curva de juros, as taxas futuras abriram perto dos ajustes anteriores, mas passaram a cair, apesar do fortalecimento dos juros dos Treasuries, os títulos do tesouro americano. Nos Estados Unidos, o índice de preços ao produtor (PPI) avançou 0,5% em abril ante março, segundo pesquisa divulgada pelo Departamento do Trabalho do país nesta terça-feira. O resultado superou a expectativa de analistas consultados pela FactSet, que previam alta de 0,3% no período.

Na abertura, os ajustes foram discretos nos juros, mas as taxas passaram a cair dada a percepção de que a ata do Copom suavizou as preocupações do mercado com um eventual Banco Central leniente com a inflação em 2025, após o mal-estar com o placar dividido da decisão de corte de 0,25 pp da Selic, a 10,50% na última semana. Segundo a ata, os diretores que votaram por 0,25 ponto de queda avaliaram que a sinalização era condicional e, mais importante do que um custo reputacional, era o compromisso com o combate à inflação. Já os que optaram pelo corte de 0,50 p.p. argumentam que seguir o guidance e reforçar o compromisso com o combate à inflação não pode ser confundido com leniência.

Já o volume de serviços prestados no Brasil subiu 0,4% em março ante fevereiro, na série com ajuste sazonal, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Serviços, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No mês anterior, o resultado do indicador foi uma queda de 0,9%.

 

Cenário do Câmbio 14/05/2024

Fonte: Agência Estado – Broadcast
Data da publicação: 14/05/2024

Levycam Corretora de Câmbio e Valores. Estamos há mais de 90 anos no mercado de câmbio sempre informando as melhores notícias diárias do mercado financeiro. Para essas e outras noticias do mercado financeiro, acesse nosso área do Blog com mais os mais variados artigos sobre o mercado financeiro.
Aproveite para nos seguir nas redes sociais.

Nosso perfil no Instagram
Nossa página do Linkedin

  • Antecipadamente;
  • Antes de mais nada;
  • A princípio;
  • De antemão;
  • Acima de tudo;
  • À primeira vista;
  • Desde já;
  • Primeiramente;
  • Antes de tudo;
  • Sobretudo;
  • Primordialmente;
  • Em primeiro lugar.
  • Ainda mais;
  • Assim como;
  • Do mesmo modo;
  • Bem como;
  • Contudo;
  • Juntamente com;
  • Apesar disso;
  • Em outras palavras;
  • Nesse sentido;
  • Por exemplo;
  • Seja como for;
  • Todavia;
  • Ainda assim;
  • Porém;
  • Além disso;
  • Em outras palavras;

COMUNICADO

Prezados clientes estamos com instabilidade no e-mail, favor priorizar a comunicação por WhatsApp ou telefone