contato@levycam.com.br

Mercado Cambial

Câmbio – PIB dos EUA e política interna devem definir rumos do dólar comercial

O dólar comercial fechou a segunda-feira com importante valorização, negociado a R$ 3,3860 no final
da jornada. O bom humor do mercado em meio a um dia sem indicadores econômicos e com a valorização do
petróleo foram fatores que determinaram o recuo da cotação da divisa.

A terça-feira deve começar com a valorização da moeda americana, em um cenário queda do preço do
petróleo e realização por parte dos investidores. No entanto, dado econômicos dos Estados Unidos e a
política brasileira devem determinar o rumo dos negócios.

Mercado Externo

Para a terça-feira está agendada a divulgação do PIB dos EUA do 3º trimestre, resultado que deve
confirmar a recuperação da economia americana no período. Paralelamente a isso, o mercado está
com as atenções voltadas para os dados do mercado de trabalho, que serão divulgados nos próximos
dias.

Mercado Interno

A pauta política deve dominar as atenções nesta terça-feira, com o governo realizando ofensivas para
abafar a crise política gerada com a saída do ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero. Deve ser leva a
votação, no plenário do Senado, a PEC do Teto dos Gastos. A expectativa do governo é de aprovar a
medida com uma grande margem.

Swap

O Banco Central não agendou nenhuma operação de swap cambial reverso para a terça-feira, seja
para rolagem, seja para novas operações.

Reserva Cambial

As reservas cambiais do Brasil registraram na sexta-feira (25) posição consolidada de US$ 372.556
milhões, sendo que quinta-feira (24) a posição era de US$ 372.432 milhões. A variação foi positiva em
US$ 124 milhões.

Fonte: Enfoque
Publicado em: 29/11/2016.

Cenário Cambial 29-11-2016
Avalie este post!

Deixe uma resposta

Fechar Menu