contato@levycam.com.br

Mercado Cambial

Câmbio – Cena interna segue puxando dólar para baixo

O dólar encerrou a segunda-feira com forte queda, com a repatriação de recursos que estavam no
exterior e também com a sinalização de que o Banco Central não irá mais rolar os contratos de swap
cambial de novembro. Com isso, a queda da divisa foi superior a 1%, encerrando a R$ 3,1210.
Para hoje, é esperada uma realização natural da divisa, mas o cenário positivo tanto no exterior
quanto no mercado local podem seguir pressionando a queda da moeda americana.
Parte dos analistas acredita que a divisa pode chegar logo ao patamar de R$ 3,00.

Mercado Externo

A agenda desta terça-feira não traz grandes indicadores de destaque, sendo que estão agendados
dados dos preços de casas nas 20 maiores cidades americanas e também o índice de Confiança do
Consumidor da Universidade de Michigan. Com isso, o mercado segue na expectativa dos dados do PIB
americano, que serão conhecidos na sexta-feira.

Mercado Interno

Notícias como a repatriação de recursos e a menor presença do Banco Central no mercado sinalizam
um cenário de otimismo, que pode ser consolidado, ou não, à medida que os balanços de importantes
empresas, como a Vale, devem ser divulgados. A ata da reunião do Copom servirá para dar pistas dos
próximos passos do Banco Central.

Swap

O Banco Central realiza nesta terça-feira mais uma sessão de leilão de swap cambial reverso. A
operação está marcada para as 9h30 e tem período de duração de 10 minutos. Ao todo, serão
oferecidos até 5 mil contratos, com vencimentos em novembro e dezembro de 2016 e janeiro de 2017.

Reserva Cambial

As reservas cambiais do Brasil registraram na sexta-feira (21) posição consolidada de US$ 375.639
milhões, sendo que quinta-feira (19) a posição era de US$ 375.969 milhões. A variação foi negativa
em US$ 33 milhões.

Fonte: Enfoque
Publicado em: 25/10/2016.

Cenário Cambial – 25-10-2016
Avalie este post!

Deixe uma resposta

Fechar Menu