Cenário Cambial – 22-11-2016

Mercado Cambial

Câmbio – Expectativa de ata do Fomc segue determinando ritmo dos negócios

O dólar comercial fechou a jornada de segunda-feira com desvalorização de 0,85%, negociado a
R$ 3,3540 no final do dia.

O resultado foi consequência de um dia favorável no mercado de ações com notícias que impulsionaram
os papéis da Petrobras e do Banco do Brasil.

A terça-feira é mais um dia de poucos indicadores econômicos na agenda, com o mercado na expectativa
da ata da última reunião do Fomc. Além disso, o feriado do Dia de Ação de Graças deve concentrar o
movimento financeiro até a quarta-feira.

Mercado Externo

A jornada desta terça-feira traz como principal destaque da agenda econômica a divulgação dos números
de vendas de casas existentes nos Estados Unidos. No entanto, o mercado está atento aos
dados que serão divulgados amanhã, principalmente a ata da reunião do Fomc.

Mercado Interno

Se por um lado as notícias do cenário econômico foram positivos para os negócios, com o plano de
reestruturação do Banco do Brasil e a alta do preço do petróleo, a crise com o ministro Geddel Vieira
Lima trouxe preocupação para os investidores. Na pauta do dia, destaque para a divulgação do PNAD
trimestral.

Swap

O Banco Central realiza nesta terça-feira uma operação de swap reverso para fins de rolagem dos
contratos com vencimento em dezembro de 2016. Serão oferecidos até 19.815 contratos com essa
finalidade, com vencimento em fevereiro e março de 2017. A operação está marcada para 11:30 e 11:40.
Não está previsto, inicialmente, nenhuma operação de swap cambial reverso sem a rolagem.

Reserva Cambial

As reservas cambiais do Brasil registraram na sexta-feira (18) posição consolidada de US$ 372.735
milhões, sendo que quinta-feira (17) a posição era de US$ 373.481 milhões. A variação foi negativa
em US$ 746 milhões.

Fonte: Enfoque
Publicado em: 22/11/2016.

By | 2016-11-22T08:03:27+00:00 novembro 22nd, 2016|Cenário Cambial|