Cenário Cambial – 17-10-2016

Mercado Cambial

Câmbio – Agenda deve definir rumos do dólar na semana.

O dólar comercial encerrou a semana passada com queda de 0,5%, sendo negociada a R$ 3,2010, em
período marcado pela volatilidade e também por notícias que favoreceram os negócios com a moeda
americana. Destaque para a valorização do petróleo no cenário internacional.

Os próximos dias devem servir mais uma vez para dar uma referência para os investidores sobre os
rumos da divisa. Dados como a produção industrial americana e o Livro Bege podem dar mais sinais
dos próximos passos do Federal Reserve.

Mercado Externo

A semana não reserva muitos indicadores, mas alguns deles merecem destaque, como é o caso dos
índices de atividade de regiões da Filadélfia e de Nova York. Além disso, os investidores estão de olho
nos dados da produção industrial e do Livro Bege.

Mercado Interno

A semana tem importantes alguns indicadores de destaque na parte econômica, mas é o cenário
político que vai centralizar as atenções dos investidores. As negociações para aprovação do ajuste
fiscal seguem em Brasília, o que pode trazer mais confiança dos investidores para a economia
brasileira. Mas o principal destaque é a reunião do Copom, marcada para quarta-feira.

Swap

O Banco Central realiza nesta segunda-feira mais uma sessão de leilão de swap cambial reverso. A
operação está marcada para as 9h30 e tem período de duração de 10 minutos. Ao todo, serão
oferecidos até 5 mil contratos, com vencimentos em novembro e dezembro de 2016 e janeiro de 2017.

Reserva Cambial

As reservas cambiais do Brasil registraram na quinta-feira (13) posição consolidada de US$ 375.738
milhões, sendo que terça-feira (11) a posição era de US$ 3765.705 milhões. A variação foi positiva em
US$ 35 milhões.

Fonte: Enfoque
Publicado em: 17/10/2016.

By | 2016-10-17T08:31:43+00:00 outubro 17th, 2016|Cenário Cambial|