Cenário Cambial – 02-07-2018

Mercado Cambial

CÂMBIO: Dólar deverá iniciar a semana no vermelho

Na sexta-feira, 29, o real se desvalorizou contra a divisa norte-americana em meio à disparada do dólar contra o peso argentino, e em aguardo a novas posturas do Banco Central em relação ao câmbio. Porém, foi mais um dia de ausência de intervenção do BC no câmbio, e fechando cinco dias sem leilões extraordinários, indicando que a moeda agora opera dentro de uma faixa considerada confortável. Com isso, o dólar fechou aos R$ 3,8744, com ganhos de 0,33%.

Para hoje, 02, a moeda norte-americana deverá apresentar queda contra a maioria das moedas globais.

Exterior

No exterior, o destaque fica por conta dos Estados Unidos com a divulgação do

relatório de emprego (payroll) na sexta-feira e a Ata do Fomc na quarta-feira, relativa à reunião de 13 de junho.

Brasil

Aqui no Brasil, serão apresentados o IPCA de junho e a produção industrial de maio.

Swap

O BC anunciou que a partir de hoje, 02, terão início os leilões de swap para a rolagem integral do vencimento de 1º de agosto de 2018, que totaliza 280.455 contratos.

Além disso, nas próximas semanas o BC realizará, sempre que necessário, leilões de swap cambial e de linha (venda de dólares com compromisso de recompra), de acordo com as condições de mercado, para prover liquidez e contribuir para o bom funcionamento do mercado de câmbio.

Reserva cambial

As reservas brasileiras internacionais avançaram US$ 8 milhões na quinta-feira (28) no conceito de liquidez internacional, segundo o Banco Central (BC). Com isso, o total das reservas brutas passou de US$ 381.738 milhões para US$ 381.746 milhões.

Fonte: Enfoque

Publicado em: 02/07/2018

By | 2018-07-02T10:10:13+00:00 julho 2nd, 2018|Cenário Cambial|